Imagens que não voltam






Há imagens que se fixam nas nossas memórias para sempre. Podem oferecer-nos as paisagens mais coloridas, as figuras mais sofisticadas, os traços mais modernistas e as realidades mais evidentes, que a ruralidade dos nossos tempos de meninos se mantêm como desafio constante à imaginação de cada um. A mulher descalça e o carro de vacas, numa postura serena de quem sabe que o moliço vem a caminho, mostra claramente que a vida dura também tem espaços de contemplação.

Eu, homem da beira-ria, que nasci quase na borda (os bebés vinham tantas vezes numa barrica que o pai teria de ir buscar, no meu caso, à Cambeia), nunca esquecerei os ambientes em que vivi e tanto saboreei. Mesmo quando cirando e fico pela Figueira da Foz, onde presentemente estou.

- Posted using BlogPress from my iPad

Comentários